ACESSO CLIENTES

BLOG

Casa inteligente: conheça as vantagens da tecnologia em sua casa
04 JAN 2021

 

O que antes parecia uma realidade apenas mostrada em filmes, hoje passa a fazer parte do dia a dia de muitas pessoas. O investimento em aparelhos que transformam uma moradia em uma casa inteligente é a nova tendência no setor imobiliário para os próximos anos.

A automação de casa nada mais é do que uma solução que reúne sistemas e tarefas de uma moradia, como acender e apagar de luzes automaticamente, ou ativação de aparelhos eletrônicos, que podem ser realizados sem a presença humana.

Isso acontece por conta de uma sistematização dessas atividades ou movimentos, que ficam disponibilizados para fácil monitoramento ou administração em aparelhos eletrônicos, todos ligados por programas tecnológicos.

Em um de nossos empreendimentos no Litoral Catarinense, temos o apartamento decorado com opções bem interessantes de automação, para mostrar o tanto de coisas que é possível ser feito. Clique aqui para ver o vídeo.

Essas possibilidades de gerenciamento e até mesmo execução de atividades comuns têm cada vez mais atraído donos de residências, justamente por vantagens tanto financeiras, quanto qualitativas para o próprio estilo de vida.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Automação Residencial e Predial (Aureside), os pedidos por serviços de automação em residências no Brasil cresceram cerca de 300% nos últimos quatro anos.

Ainda de acordo com esse estudo, o país conta hoje com 300 mil casas com essa tecnologia. Esse número pode aumentar pelo menos cerca de 13% até 2023.

Esses dados têm sido cada vez mais animadores para as estratégias de investimento dentro do setor de venda e construção imobiliária, pois podem proporcionar um comportamento mais contemporâneo da população, o que traz lucros a longo prazo.

 

Como funcionam as automatizações?

Conforme dito anteriormente, alguns processos diários acabaram sendo automatizados via sistemas e aparelhos eletrônicos. Esses aparelhos eletrônicos passaram a ser cada vez mais vistos em várias partes da casa. Alguns deles são: Lâmpadas; Fogões; Cortina rolo blecauteTomadas; Portas e janelas; Relevisões; Fechaduras.

Os sistemas costumam funcionar da seguinte maneira: aparelhos eletrônicos, como os citados acima, permitem uma conexão via Wi-Fi com outros aparelhos portáteis, tais como celulares, tablets, computadores e laptops.

A partir dessa conexão, é possível viabilizar um controle sobre o funcionamento da energia distribuída para ligação ou desligamento.

Por exemplo, em uma sala planejada apartamento, os televisores e as luzes do local são ligados a partir de um controle no aplicativo de celular do proprietário. 

É possível, ainda, escolher a intensidade da iluminação ou controlar o volume do televisor, escolhendo os canais preferidos.

O mesmo acontece, em uma outra ocasião, com os aparelhos da cozinha. Um fogão e uma geladeira podem, por exemplo, serem ligados ou desligados por meio do próprio celular. 

Existe também a possibilidade de cronometrar comidas ou congelamentos, algo interessante para um uso econômico.

Tudo acontece, mais ou menos, em um mesmo processo de uma instalação de portão eletrônico, uma possibilidade que se tornou bastante popular há alguns anos. Você instala o sistema eletrônico e, por meio de um aparelho e um botão próprio, o portão é aberto.

 

Principais vantagens de uma casa inteligente

Além do fato das grandes novidades tecnológicas trazerem às pessoas uma mistura de curiosidade e vontade de adaptação ao futuro e às novas realidades, a escolha de aparelhos que deixem a casa inteligente apresentam inúmeras vantagens.

 

Conheça algumas delas e entenda mais sobre esse investimento:

1 - Controle de gastos

A possibilidade de controlar de perto aparelhos ou interruptores de uma casa, podendo ainda programá-los tanto para desligamento quanto para o funcionamento, se torna uma maneira de economizar energia, afinal, o consumo será monitorado com frequência.

Em uma residência não automatizada, por exemplo, alguns moradores podem ter um costume errado de dormir e esquecer luzes ligadas, aparelhos na tomada e até mesmo itens elétricos em funcionamento.

Pode até parecer que não faz tanta diferença, mas ao colocar a energia desperdiçada na ponta do lápis, um grande prejuízo pode aparecer, sendo até mesmo um dinheiro próximo ao investimento em automações.

Por esse motivo, muitas pessoas têm procurado mais produtos inteligentes, justamente por saberem que, se elas mesmas esquecem de tomar alguma atitude, os próprios sistemas podem ativar configurações de economia.

Além do mais, um outro item que também se tornou essencial como parte de um sistema de automatização é a disposição da energia de aparelhos.

Por meio de sistemas, é possível programar lâmpadas ou aparelhos domésticos para que gastem apenas a energia necessária para um referente serviço.

Ao usar um fogão para assar uma torta, por exemplo, é possível que por meio da tecnologia do aparelho elétrico, apenas a quantidade certa de energia para a produção daquele alimento seja usada, não precisando usá-la em força máxima.

 

2 - Mais segurança

Uma das vantagens mais interessantes na automatização de casas é a possibilidade de ter cada vez mais controle sobre a segurança do lugar e de seus moradores.

Aqui, uma das principais propostas dessas tecnologias é ter, na palma da mão, um monitoramento virtual de toda a casa, dentre elas os cômodos, as áreas em comum, a rua em frente à residência e até mesmo de pontos em direções vizinhas à moradia.

Com o crescimento das grandes cidades, algumas questões relacionadas à segurança pública passaram a ter mais importância para muitas famílias, e a possibilidade de conseguir olhar todo o terreno de uma casa ou apartamento tem valido a pena.

Além disso, casas inteligentes permitem a instalação de sistema de segurança digital, possibilitando a entrada e saída de pessoas do local, mediante senhas numéricas ou via identificações digitais ou faciais.

Muitos desses programas de segurança são instalados por empresas particulares, que disponibilizam assistências policiais para casos de roubos e furtos na residência.

 

3 - Maior eficiência

Não existem padrões de melhores esforços entre humanos e tecnologia. Ao escolher uma tinta para sala e pintar o cômodo, por exemplo, é possível que certos detalhes só sejam melhor adequados por pessoas.

No entanto, em questões de eficiência relacionadas às tarefas que envolvem a própria tecnologia, não existem dúvidas que sistemas e programas são nossos melhores aliados, e exercem muito bem suas funções.

Tecnologias de automação podem, de forma rápida e certeira, verificar quais os melhores filmes e séries em um catálogo de streaming em tempo ágil, por exemplo.

Alguns programas tecnológicos também têm uma maior facilidade em encontrar as melhores opções de músicas, por meio do acesso ao vasto banco de dados com nossas preferências, que ficam armazenados nesses aparelhos.

Além desses exemplos, é importante ressaltar que os aparelhos vão funcionar sempre que nosso corpo ou mente estiver mais cansada, permitindo a nós uma vida cada vez mais criativa, e a essas alternativas, um trabalho mais rotineiro.

 

4 - Praticidade e acessibilidade

Até agora você entendeu que a praticidade em ter um companheiro virtual, um sistema ou programa que facilite vidas, induzindo economias, segurança e eficiências, é uma das principais escolhas para além do mundo imobiliário.

É essa a maior questão ao investir em produtos e serviços automatizados. Afinal, em meio a rotinas e exercícios de profissões cada vez mais corriqueiras, muitas pessoas preferem investir em tecnologias que possam fornecer mais tempo de sobra.

Mas além de permitir uma maior praticidade, a automatização de casas se torna uma grande ferramenta da acessibilidade, ajudando milhares de pessoas que necessitam de máquinas ou aparelhos para facilitar suas atividades.

Por exemplo, é possível programar o fechamento e abertura de uma cobertura de vidro, para o caso de pessoas que não conseguem alcançá-las, seja por uma diferença de altura ou por uma questão de deficiência.

Sobre a implementação de auxílios para Pessoas com Deficiências (PCDs), a automatização de cadeiras, mesas, computadores e outros móveis e objetos da casa vêm se tornando cada vez mais populares, melhorando o dia a dia de muitas pessoas.

 

As tendências para imóveis inteligentes

Embora essas formas de tecnologias imobiliárias já façam parte de nossas realidades, muitas outras evoluções vêm sendo apresentadas ao mercado, podendo aumentar ainda mais a forma como conhecemos nossas casas hoje em dia.

Uma das principais tendências para os próximos anos é a implementação de mais robôs dentro de casa, que cuidaram não somente de trabalhos relacionados ao nosso lar, mas também de nosso bem-estar e saúde.

Também vem sendo vista como uma grande possibilidade dentro de casas automatizadas é a padronização de eletrônicos com uma mesma marca, ou todos de uma mesma empresa.

Isso está se tornando cada vez mais real com as possibilidades de padronização de gostos, rotinas e desejos por meio da captação de informações, seja em grandes bancos de dados armazenados ou em repetições de comandos.

A padronização pode trazer ainda mais melhorias na forma de direcionar comandos e ações dentro de uma casa, implementando ainda mais a praticidade do usuário e as vantagens trazidas pelo investimento nestes serviços.

Depois de entender um pouco mais sobre as tendências e principais pontos positivos de uma casa inteligente, o que está esperando para investir nessa possibilidade para a sua casa?

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Nosso site salva o seu histórico de uso. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para saber mais, acesse Política de Privacidade.

X
Configuração de Cookies:
Cookies Essenciais (Obrigatório)

Esses cookies permitem funcionalidades essenciais, tais como segurança e suas permissões.

Cookies Funcionais

Esses cookies coletam dados para lembrar escolhas que os usuários fazem e para melhorar sua experiência mais organizada.

Cookies Analíticos

Esses cookies nos ajudam a entender como os visitantes interagem com nosso site.